Saltar para o menu de navegação
Saltar para o menu de acessibilidade
Saltar para os conteúdos
Saltar para o rodapé
Logo EnlighTed está chegando | Dias 19, 20 e 21 de outubro | Inscreva-se agora!

A Bahia terá a primeira escola de Ensino Médio do país a receber o suporte necessário para o título de “Escola do Século XXI”, a partir da parceria entre a Secretaria da Educação do Estado da Bahia e a Fundação Telefônica Vivo. Trata-se do Programa ‘Inova Escola’, que será inaugurado no Colégio Estadual Norma Ribeiro (antigo Colégio Estadual Antônio Sérgio Carneiro), no bairro de Arenoso, em Salvador, nesta terça-feira (20), às 8h30, com as presenças do governador Rui Costa, do secretário Walter Pinheiro e do Rui Costa, do secretário Walter Pinheiro, e do diretor-presidente da Fundação Telefônica Vivo Americo Mattar. Na ocasião, a unidade escolar será reinaugurada, passando a homenagear a servidora pública da Educação, Norma Ribeiro, já falecida.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, disse que para a implantação do projeto, o Colégio Estadual Norma Ribeiro, de Educação Integral, recebeu investimentos da ordem de R$ 1 milhão e 600 mil da Secretaria da Educação do Estado. “Esta é mais uma parceria que buscamos para fortalecer o eixo pedagógico das escolas e proporcionar aos nossos estudantes uma educação com inovação e antenada com o futuro. Esta unidade escolar foi completamente reestruturada, com uma ampla reforma incluindo pintura geral, troca de portas, recuperação da quadra, reestruturação da cozinha e do espaço de depósito das merendas e, passa a contar com um refeitório, fundamental para uma escola de Educação Integral”, afirmou.

A partir do ‘Inova Escola, a Secretaria da Educação do Estado e a Fundação Telefônica Vivo vão desenvolver e implementar inovações educacionais que potencializem a aprendizagem e conectem a educação pública com as competências do século XXI. O coordenador de Articulação de Projetos para a Educação da Secretaria da Educação do Estado, Rogério Quintela, destaca a importância do projeto e faz um link com o e-Nova Educação. “O Inova Escola trabalha na linha do e-Nova Educação, que é da Secretaria da Educação em parceria com o Google, cuja proposta é também propiciar a contextualização da educação e das salas de aula no século XXI com cada Território do Estado, buscando a melhoria da qualidade do processo de ensino e aprendizagem”, explica.

O diretor-presidente da Fundação Telefônica Vivo, Americo Mattar, destacou a importância desta ação em conjunto com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia. “Quando a inovação e a tecnologia permeiam a prática pedagógica de aprendizagem, potencializando a educação, estudantes, educadores e comunidade saem ganhando. Tendo consciência dessa realidade e de suas responsabilidades com a sociedade, a Vivo, por meio da sua Fundação, volta suas ações à rede pública”, destaca.

Programação – O lançamento do ‘Inova Escola’ será aberto com as boas-vindas da jovem empreendedora baiana, Monique Evelle, reconhecida, em 2017, pela Revista Forbes, como uma das 30 jovens mais promissoras do Brasil. Em seguida, haverá apresentações culturais e pronunciamentos do secretário Walter Pinheiro, além do diretor-presidente da Fundação Telefônica Vivo, Américo Mattar. Após o descerramento da placa inaugural do Colégio Estadual Norma Ribeiro e da assinatura do termo de cooperação para o Programa Inova Escola, haverá uma roda de conversa com os estudantes, além de mostra de projetos e apresentações culturais desenvolvidas pela escola.

Inova Escola – O Programa ‘Inova Escola’ vem sendo realizado pela Fundação Telefônica Vivo desde 2013 em escolas públicas de quatro Estados brasileiros – São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Pernambuco – com atuação em seis escolas de Ensino Fundamental. O principal objetivo do ‘Inova Escola’ é o fomento à experimentação e ao desenvolvimento de novos modelos de aprendizagem apoiados por tecnologias digitais buscando contribuir para a transformação da educação brasileira por meio da inovação educativa e estimular o desenvolvimento de competências do século XXI em estudantes e educadores, ampliando suas perspectivas de futuro.

O Programa é composto de três eixos: Formar (oferecer formação para inovar na educação a partir de referências e caminhos já trilhados); Incubar (apoiar a construção colaborativa de soluções com base no contexto de cada escola, possibilitando a implementação de modelos de aprendizagem e avaliando resultados); e Disseminar (incentivar e provocar a adoção e o compartilhamento de práticas inovadoras por meio de publicações, disponíveis gratuitamente no acervo do site fundacaotelefonica.org.br/acervo). A duração prevista para a parceria é de três anos, prazo estimado para a consolidação do processo de inovação pedagógica na unidade.

A escola, que se chamava Antônio Sérgio Carneiro, passa a se chamar Colégio Estadual Norma Ribeiro, conforme portaria já publicada no Diário Oficial do Estado. Segundo Pinheiro, “a escolha do nome foi uma homenagem prestada pela comunidade escolar à servidora pública do Estado que dedicou sua vida à e militou pela Educação, sendo uma das responsáveis pela instalação do Colégio no bairro de Arenoso”.

Mais informações:
Fundação Telefônica Vivo

Web: fundacaotelefonica.org.br

Email: fundacao.br@telefonica.com

Facebook: /fundacaotelefonica

Youtube: /fundacaotelefonica

Instagram: @ft_brasil

Twitter: @ft_brasil

 

Assessoria de Imprensa

imprensa@telefonica.com

Tel. 11 3430-7020

Colégio em Salvador recebe Programa Inova Escola da Fundação Telefônica Vivo
Colégio em Salvador recebe Programa Inova Escola da Fundação Telefônica Vivo