Saltar para o menu de navegação
Saltar para o rodapé
Saltar para os conteúdos
Saltar para o menu de acessibilidade
Logo EnlighTedDias 19, 20 e 21 de outubro | Assista ao enlightED aqui!

 Os candidatos inscritos devem passar por etapas que contemplam capacitação online, entrega de desafios e acompanhamento de consultoria online para serem selecionados  
São Paulo 11 de fevereiro – Já estão abertas as inscrições para a seleção de jovens empreendedores, cujos projetos serão incubados pela PDE (Plataforma de Desenvolvimento de Empreendedores), dentro do programa de Inovação Social da Fundação Telefônica Vivo.  O prazo de inscrição se estende até às 23h59 do dia 28 de fevereiro. O resultado da seleção será conhecido no dia 4 de março.
Para participar do processo seletivo é necessário ter de 15 a 29 anos, renda pessoal de no máximo até um salário mínimo e ser residente nos municípios das regiões metropolitanas de São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Fortaleza, Recife, Santarém, Santa Cruz Cabrália e nas cidades do Vale do Jequitinhonha.
A Fundação vai incubar 15 iniciativas que envolvem tecnologias digitais inovadoras e transformadoras. Além do investimento financeiro e apoio pessoal e técnico, o programa oferece ainda assessoria exclusiva, tanto online quanto presencial, para trabalhar demandas específicas da iniciativa, seja apoiando o desenvolvimento de ações ou capacitando os jovens em temas de gestão e outras questões que forem necessárias.
  “Essa fase é muito importante, pois proporciona o apoio de um mentor com experiência empreendedora, que atuará no acompanhamento e desenvolvimento da iniciativa, além de realizar encontros presenciais com os representantes de todos os projetos  para desenvolver competências e fortalecer a rede entre eles”, explica Luiz Guggenberger, gerente de Inovação Social e Voluntariado da Fundação Telefônica Vivo.
    As inscrições para o processo de seleção dos projetos a serem incubados devem ser feitas por meio do hotsite www.fundacaotelefonica.org.br/incubacaodeprojetos, com preenchimento de questionário online, no qual os empreendedores vão contar um pouco de sua iniciativa. Uma vez pré-selecionados, os jovens receberão capacitação para concorrerem à etapa final de seleção.
Sobre a PDE
A Fundação Telefônica Vivo acredita na força dos jovens, aliada ao papel transformador das tecnologias, como um potente motor para gerar soluções inovadoras para as comunidades onde vivem. Pensando nisso, criou a PDE (Plataforma de Desenvolvimento de Empreendedores) que tem como objetivo empoderar jovens de áreas periféricas para que se tornem agentes transformadores de suas realidades com atitude e protagonismo, fortalecendo assim o ecossistema do empreendedorismo social no Brasil.
A PDE tem como estratégias a formação de jovens para o desenvolvimento de projetos de vida e aumento de repertório; apoio na identificação de oportunidades de empreendimentos em suas comunidades, além de ajuda para prototipar soluções e estruturar planos de negócios; e apoio, por meio de mentoria, para implementar suas soluções.
Sobre a Fundação Telefônica Vivo
Criada em 1999, a Fundação Telefônica incorporou os projetos do Instituto Vivo em 2011, em função da fusão entre a Vivo e a Telefônica. A Fundação Telefônica Vivo acredita que conectando pessoas e instituições é possível transformar o futuro, tornando-o mais generoso, inclusivo e justo. Utiliza tecnologias de forma inovadora para potencializar a aprendizagem e o conhecimento, contribuindo para o desenvolvimento pessoal e social. Suas principais áreas de atuação são: Combate ao Trabalho Infantil, Educação e Aprendizagem, Inovação Social e Voluntariado. O Grupo Telefônica possui, ainda, fundações em 16 países.

Fundação Telefônica Vivo abre inscrição para processo de incubação de jovens empreendedores
Fundação Telefônica Vivo abre inscrição para processo de incubação de jovens empreendedores