Saltar para o menu de navegação
Saltar para o menu de acessibilidade
Saltar para os conteúdos
Saltar para o rodapé
Apostamos na força transformadora da educação, conectando pessoas ao conhecimento.

A plataforma Escolas Conectadas oferece formações voltadas para as temáticas de conservação ambiental, sustentabilidade e mudanças de hábitos

#Cursos#Educação#Educadores

O Brasil é considerado o país com maior biodiversidade do mundo, encabeçando a lista dos 17 territórios, chamados de megadiversos, que inclui também Austrália, África do Sul, Costa Rica, China, México, entre outros, e que juntos detêm 70% da diversidade ambiental mundial.

“Como mobilizar, sensibilizar e engajar o estudante na conservação do meio ambiente?”, indaga Juçara Bordin, doutora em Biodiversidade e Meio Ambiente pelo Instituto de Botânica de São Paulo e coordenadora do projeto de extensão na Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs).

Para ela, o professor de qualquer disciplina, e não apenas o de Ciências, é fundamental para abordar o assunto com os alunos e contribuir com o engajamento deles em questões ambientais. “O estudante não precisa entrar em uma ONG, necessariamente, mas dá para pensar no dia a dia e em hábitos simples, como economizar água, que podem ser mudados a partir de uma fala do educador”, acredita.

A especialista, parceira da plataforma Escolas Conectadas, participou da live Meio Ambiente no Escolas Conectadas: construções interdisciplinares, no dia 1º de junho, para apresentar soluções práticas a educadores, por meio de cursos voltados à temática do meio ambiente.

Confira, a seguir, os cursos destacados pela especialista.

 

Jornada nos Biomas

O curso recém-lançado tem a proposta de vivenciar uma estratégia ativa de aprendizagem sobre biodiversidade, conservação e sustentabilidade dos biomas brasileiros por meio de um jogo digital para celular. “Não é só passar o conceito, é para se divertir mesmo”, afirma Juçara.

A personagem Laura passeia por cenários como a Amazônia, Mata Atlântica, Cerrado, Caatinga, entre outros, observando de forma interativa os aspectos gerais das faunas, floras e ameaças. “Criamos o jogo e sentimos a necessidade de mostrar ao professor como utilizá-lo com os alunos. O curso é uma espécie de guia”, complementa.

Período do curso: 7 de junho e 5 de julho.
Modalidade: Mediado
Inscrições

 

Antártica: muito mais do que gelo 

Ainda este mês, também está na programação Antártica: muito mais do que gelo. O clima do planeta, o efeito estufa, o aquecimento global, as pesquisas brasileiras na Antártica, aspectos físicos, história e a vida animal e vegetal são tópicos que podem ser explorados com os elementos curriculares de Geografia, História e Ciências. As inscrições já estão abertas.

Período do curso: 21 de junho a 19 de julho.
Modalidade: Mediado
Inscrições

 

Águas: gotas de conscientização 

O curso  é ministrado pela própria Juçara ao lado da colega e Professora Diana Maffessoni. Foi criado a partir da crise hídrica de 2014 e aproveita a temática contemporânea para tratar as formas de preservação da água.

Período do curso: 5 de julho a 2 de agosto
Modalidade: Mediado
Inscrições

 

Plantas Medicinais: unindo a cultura popular 

Que tal fazer uma horta com plantas medicinais? Esta é a ideia do curso e o conhecimento científico na escola e que tem como objetivo explorar as plantas e especiarias encontradas no país, orientar sobre os cuidados no uso e discutir maneiras de abordar a temática para estudantes de todas as idades. “Quem não toma um chazinho para dor de barriga? A gente propõe fazer um relógio com as horas do dia e quais os chás que tem relação com cada uma”, diz a especialista.

Período do curso: 19 de julho a 16 de agosto
Modalidade: Mediado
Inscrições

 

Pomar: um futuro saudável com frutas o ano todo 

No mesmo ambiente da horta, é possível ampliar a área, como indica o curso Pomar: um futuro saudável com frutas o ano todo. Os encontros vão debater questões como as frutas que podem ser cultivadas em cada região, como colher direto do pé o ano todo, as formas do desenvolvimento deste pedaço de terra, além de fazer conexões com o desenvolvimento dos frutos, hábitos alimentares saudáveis e preservação ambiental.

Período do curso: 2 de agosto a 30 de agosto
Modalidade: Mediado
Inscrições

Juçara Bordin ressalta que todos os cursos apresentam interdisciplinaridade. “A ideia do ensino da área ambiental é que os educadores trabalhem juntos e consigam abordar vários assuntos, partindo da realidade deles e dos alunos para levar a mudança de hábitos que podem fazer diferença para o futuro”, finaliza.

5 cursos para abordar o Meio Ambiente com os estudantes
5 cursos para abordar o Meio Ambiente com os estudantes