Saltar para o menu de navegação
Saltar para o menu de acessibilidade
Saltar para os conteúdos
Saltar para o rodapé
Logo EnlighTed está chegando | Dias 19, 20 e 21 de outubro | Inscreva-se agora!

Movida pela vontade de contribuir com o futuro das novas gerações, uma equipe da Fundação Telefônica Vivo viajou até a cidade de Codó, no Maranhão.

Equipe da Fundação Telefônica Vivo visita adolescentes de Codó

Movida pela vontade de contribuir com o futuro das novas gerações do nosso país, uma equipe da Fundação Telefônica Vivo viajou, em janeiro  até a cidade de Codó, no Maranhão, para acompanhar de perto o trabalho realizado pela nossa parceira PLAN International – organização não governamental de origem inglesa que atua há mais de 75 anos em defesa dos direitos da infância.
Lá, a ONG realiza o projeto “Trabalhar não é brincadeira!” que tem como objetivo reduzir a vulnerabilidade de meninos e meninas, entre 5 e 17 anos, em relação aos riscos e situações de trabalho infantil. Com cerca de 120 mil habitantes e localizada a 292 quilômetros da capital São Luís, Codó possui um estatística desfavorável: 70% das crianças que vivem em situação de vulnerabilidade estão em condições de trabalho infantil ou de trabalho adolescente desprotegido, como trabalho doméstico, trabalho em serviços e catação de lixo.
No entanto, queremos fazer a diferença para que as vidas destes meninos e meninas sejam melhores. Para isso, em 2014, através da nossa parceria com a PLAN International, iremos apoiar alguns projetos que fazem parte dos planos de atuação da ONG na cidade maranhense. Entre eles, destacam-se:
· A construção da Cidade dos Direitos – uma praça pública que terá estações dos principais direitos da infância e adolescência, e que ajudará educadores a apresentar a filosofia e as políticas instituídas pelo ECA (Estatuto da Criança e Adolescente), de maneira lúdica, didática e pedagógica.
· A implantação do Centro de Mídias em uma escola parceira do projeto que contará com auditório público, salas de produção e edição de vídeos e uma rádio escolar, para que adolescentes tenham acesso a tecnologias de educomunicação e possam conhecer e divulgar questões relativas ao trabalho infantil.
Além da PLAN, outras quatro ONGs contam com o nosso apoio técnico e financeiro para atenderem um total de 7.347 crianças e adolescentes na região do semiárido brasileiro, formada pelos estados do Ceará, Maranhão, Piauí, Alagoas, Pernambuco, Sergipe, Rio Grande do Norte, Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo, onde os investimentos sociais são mais escassos e a violação dos direitos das crianças e dos adolescentes uma prática comum.
Mudando a vida de jovens no semiárido.
Fomos até Codó, no interior do Maranhão, acompanhar de perto as ações que beneficiam meninos e meninas que estão em condição de trabalho infantil ou de trabalho adolescente desprotegido. Conheça as iniciativas que o projeto realizará em 2014 na região do semiárido brasileiro.
O post Atendimento Direto: nossa equipe visita adolescentes de Codó apareceu primeiro em Notícias da Fundação Telefônica.

Atendimento Direto: nossa equipe visita adolescentes de Codó
Atendimento Direto: nossa equipe visita adolescentes de Codó