Saltar para o menu de navegação
Saltar para o rodapé
Saltar para os conteúdos
Saltar para o menu de acessibilidade
Novo Ensino Médio: primeiro itinerário de formação técnica e profissional em Ciência de Dados. Saiba mais

As melhores práticas de educadores que concluíram a formação em Projeto de Vida do programa Pense Grande foram premiadas em 2021. Estudantes de Sergipe também foram reconhecidos por seus projetos empreendedores

#Educadores #PenseGrande

Imagem mostra uma educadora em uma sala de aula. Ela está sentada em frente a uma câmera. Parece estar dando aula on-line. Sobre a mesa, há um notebook, cadernos e canetas. A professora é negra e tem cabelos compridos trançados. Usa uma blusa preta e uma camisa verde por cima.

Eles não mediram esforços para auxiliar na formação integral dos estudantes e na construção de seus Projetos de Vida. Mesmo com os desafios impostos pela pandemia, os profissionais de educação continuaram atualizando suas práticas, planejaram aulas e elaboraram conteúdos com o apoio da tecnologia, além de atuarem para garantir o direito à aprendizagem dos alunos.

Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido durante esse período, educadores dos estados da Bahia e de Sergipe, que participaram da formação em Projeto de Vida do programa Pense Grande da Fundação Telefônica Vivo, foram premiados por suas iniciativas inovadoras.

A formação teve como objetivo atender à demanda dos educadores sobre o tema no Novo Ensino Médio e a avaliação do componente Projeto de Vida junto aos estudantes. E a partir daí, aplicar as metodologias aprendidas durante a jornada formativa em realidades distintas, contribuindo com o desenvolvimento de competências e habilidades nos jovens e com o conhecimento deles sobre si próprios e o mundo que os cerca. Além disso, ampliar o conhecimento dos educadores sobre esse novo componente curricular, com questões como autoconhecimento,  juventudes e identidades, cidadania e mundo do trabalho.

Realizada com o apoio das Secretarias de Educação e dos parceiros-executores de ambos os estados, a primeira etapa da formação ocorreu pela Plataforma Escolas Conectadas, com conteúdos de introdução ao tema Projeto de Vida, escuta e reflexão sobre memória, experiências práticas e implementação do componente.

A segunda foi realizada em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) próprio para incorporar os encontros síncronos, as atividades assíncronas e a mentoria dirigida ao planejamento e implementação de práticas junto aos estudantes e suas avaliações, com o apoio da equipe da Fundação Telefônica Vivo.

A seguir, saiba como foram os reconhecimentos dos educadores que realizaram a formação em cada local.

 

Reconhecimento de educadores na Bahia

Educadores da Bahia foram contemplados com o Reconhecimento Docente 2021. A premiação foi destinada aos educadores que participaram do Módulo de Atualização em Projeto de Vida e Cidadania do programa Pense Grande. Ao todo, 350 profissionais concluíram a formação no ano passado, impactando mais de 15.000 jovens com as atividades realizadas. A formação foi realizada pela Fundação Telefônica Vivo em parceria com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia e dos parceiros-executores locais Afeto – Educação, Comunicação e Juventude e CIPÓ Comunicação Interativa.

No evento on-line, realizado em dezembro de 2021, foram anunciados os cinco planos de aula elaborados pelos educadores concluintes da formação Pense Grande que buscaram estimular o tema no ambiente educativo.

As cinco práticas reconhecidas (confira no box abaixo) serão publicadas em um e-book, que deve ser lançado no primeiro semestre de 2022. Além disso, os projetos farão parte de um banco de práticas da Secretaria de Educação do Estado da Bahia, junto às demais 14 práticas finalistas selecionadas no Reconhecimento Docente 2021.

“Parabenizo a equipe do Pense Grande, a Secretaria de Educação e todos os professores homenageados. Sei o quanto é importante aperfeiçoar as nossas práticas e sabemos que a formação é fundamental, mas sem amor o nosso trabalho não acontece. Que essa ação seja a primeira de muitas”, declara Cristina Santana, vice-diretora na Secretaria de Educação do Estado da Bahia.

“É uma satisfação trabalhar com Projeto de Vida, pois aprendemos muito enquanto damos aula ao mesmo tempo em que nos conectamos muito com os alunos. É uma grande alegria saber que a minha prática foi reconhecida”, declara Teresa Cristina Silva Abade, idealizadora do projeto “Meu lugar no mundo”.

Reconhecimento de educadores e estudantes em Sergipe

No estado de Sergipe, foram realizados dois eventos de reconhecimento. Um deles foi o Reconhecimento Docente 2021, que ocorreu virtualmente no mês de dezembro. O programa Pense Grande contemplou três educadores da rede estadual de Sergipe por suas práticas pedagógicas inovadoras após a formação de Multiplicadores Pense Grande em Projeto de Vida.

“Ser reconhecida é muito gratificante. O projeto de vida traz essa relação de motivar o estudante e indicar o caminho do autoconhecimento. Ele passa a se reconhecer a partir do grupo ao qual faz parte, mostrando como é esse percurso, ajudando a construir o seu próprio projeto de vida”, comemora a educadora Adriana Ferraz.

“Estar em contato com professores empenhados em fazer o melhor por seus estudantes, para suas escolas e por seus municípios nos dá a sensação de dever cumprido. Tenho certeza que o aprendizado percorrido por esses educadores na formação foi e será o grande ponto de partida para toda a dinâmica de projeto de vida nas escolas”, declara Isabella Santos, chefe do Serviço de Ensino Médio da SEDUC Sergipe.

O outro evento de reconhecimento em Sergipe foi o Demoday, que marca a culminância da formação Pense Grande de Multiplicadores em Empreendedorismo Social.  O encontro virtual também ocorreu em dezembro e reuniu estudantes e educadores sergipanos.

O objetivo foi celebrar a jornada de empreendedorismo do programa Pense Grande, iniciativa da Fundação Telefônica Vivo e da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura de Sergipe, tendo como parceiro-executor o Instituto Paramitas.

Para isso, os jovens responsáveis pelos cinco projetos finalistas apresentaram para a banca de avaliação, por meio de um pitch, os negócios e projetos que desenvolveram para potenciais investidores.

Nesse sentido, o evento também deu destaque aos educadores e às instituições que desenvolveram o comportamento empreendedor nos estudantes, estimulando-os a construir um projeto ou negócio de impacto social positivo por meio da metodologia Pense Grande.

“A parceria é muito importante porque nos permite vivenciar na escola a diversidade de projetos e ações voltados para a comunidade, que respaldam na formação geral que trabalhamos para o desenvolvimento dos alunos, o protagonismo, a criticidade, a autonomia e a educação empreendedora, para que desenvolvam essas habilidades para a vida”, comenta Ana Lúcia Lima, diretora do Departamento de Educação da SEDUC Sergipe.

Os jovens da equipe vencedora receberam vale-compras e equipamentos eletrônicos. Os educadores ganharam os mesmos prêmios, além de uma viagem para os Cânions de Xingó. Já a escola do grupo vencedor recebeu notebook, livros sobre empreendedorismo e metodologias ativas, entre outros itens.

Confira abaixo o projeto premiado:

Projeto: Meliponicultura: uma colmeia entre o saber e o fazer.
Proposta: Incentivar a criação da espécie na região, conservando as abelhas nativas e informando a comunidade a importância da preservação dessa biodiversidade.
Estudantes responsáveis: Venícius Soares dos Santos, Maria Rita Nascimento dos Santos e Edileide dos Santos – 3º ano do Ensino Médio
Educadores responsáveis: Milena Pinto e Adriana Ferraz
Escola: Centro de Excelência Arquibaldo Mendonça (Indiaroba – SE)

Educadores de Sergipe e da Bahia são reconhecidos por suas práticas inovadoras
Educadores de Sergipe e da Bahia são reconhecidos por suas práticas inovadoras