Saltar para o menu de navegação
Saltar para o rodapé
Saltar para os conteúdos
Saltar para o menu de acessibilidade
Logo EnlighTedRelembre aqui o enlightED 2021

Com uma equipe de 50 voluntários, o primeiro Dia dos Voluntários em Goiânia acontecerá em uma ONG que trata dependentes químicos. Confira!

A ONG Associação Beneficente Metamorfose foi beneficiada

Para Associação Beneficente Metamorfose, em Goiânia, era muito importante  ser escolhido pelo Comitê. “De joelhos, pedíamos a Deus para que fôssemos escolhidos para a realização do Dia dos Voluntários Telefônica”, informa Sonia Maria Borges, presidente e fundadora da entidade que atende moradores de rua e dependentes químicos.
O pedido não só foi ouvido, como também desencadearam benefícios extras. “Vamos auxiliar a instituição a se profissionalizar, regularizando sua documentação. Ela ficará apta a firmar parcerias com órgãos públicos e universidades, podendo receber estagiários e benefícios do governo. Assim teremos mais condições de reconduzir os internos ao mercado de trabalho”, destaca a assistente de RH da Vivo, Lilia Cândida Paz, do Comitê de Voluntários local.
Segundo a analista de vendas da Vivo, Danyara Corrêa Silvestre, também participante do comitê, várias creches e asilos foram visitados até que a decisão fosse tomada. “Lá encontramos um grande desafio pela frente, pois as instalações são muito precárias. Já temos a planta para a obra e estamos em fase de arrecadação de materiais de construção e mobiliário”, disse.
Com uma equipe de 50 voluntários, o primeiro Dia dos Voluntários em Goiânia prevê a montagem de um escritório para a administração, pintura e limpeza das instalações, plantação de horta, além de diversas atividades com os internos.
Por tudo isso, a presidente e fundadora da Metamorfose garante que, após os melhoramentos – com destaque para a obra que separará a instituição da casa onde mora com a família – terá condições de ampliar e aperfeiçoar o atendimento.
A Associação Beneficente Metamorfose foi criada por Sonia Maria Borges, ex- moradora de rua e ex-usuária de drogas, há 25 anos. Ela  passou pelo processo de recuperação durante um ano e foi nesse momento difícil que sentiu necessidade de ajudar à outros que passavam pela mesma situação que a sua.

“Comecei tirando mendigos das ruas e levando para a minha casa. Depois o projeto foi crescendo”, explica ela.

Nesse período, a instituição já recebeu mais de 10 mil pessoas em suas três unidades em Goiânia. Atualmente, 170 pessoas passam por tratamento.

* O Dia dos Voluntários Telefônica é exclusivo para empregados do Grupo Telefônica
O post Em Goiânia, voluntários ajudarão ONG a profissionalizar serviços apareceu primeiro em Notícias da Fundação Telefônica.

Em Goiânia, voluntários ajudarão ONG a profissionalizar serviços
Em Goiânia, voluntários ajudarão ONG a profissionalizar serviços