Saltar para o menu de navegação
Saltar para o rodapé
Saltar para os conteúdos
Saltar para o menu de acessibilidade
Logo EnlighTedDias 19, 20 e 21 de outubro | Assista ao enlightED aqui!

A Fundação Telefônica vai capacitar, através do Portal Pró-Menino, professores da rede pública a respeito do ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente.

Os professores foram orientados em relação ao ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente)

A partir de 02 de abril, a Fundação Telefônica vai capacitar, através do Portal Pró-Menino (www.promenino.org.br), cerca de 2.500 professores da rede pública a respeito do ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente. É a segunda vez que o curso online, denominado ECA na Escola, é oferecido aos educadores de escolas ligadas ao Programa Mais Educação, do Ministério da Educação. No ano passado, 1.200 professores puderam participar da capacitação, que é gratuita e tem carga-horária de 42 horas.

A realização do curso é possível graças à parceria firmada entre a Fundação Telefônica, o Ministério da Educação, a Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH), o Ceats (Centro de Empreendedorismo Social e Administração em Terceiro Setor), da FIA – Fundação Instituto de Administração, responsável pela certificação do curso. Desta vez, também professores da rede pública do Estado de São Paulo poderão participar da capacitação.

A temática dos direitos da criança e do adolescente será composta por seis módulos, que incluem a elaboração de um projeto de aplicação prática do conteúdo pelo participante na escola em que atua. A aula inaugural estará a cargo de Miguel Arroyo, professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais, e de Benedito dos Santos, secretário executivo do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda). Outros grandes especialistas conduzirão aulas durante o curso, como o pedagogo Antonio Carlos Gomes da Costa, que participou do grupo de redação do ECA.

O Portal Pró-Menino é uma iniciativa da Fundação Telefônica que busca contribuir para a garantia dos direitos de crianças e adolescentes, por meio da disseminação da informação, do apoio a organizações que lidam com esta temática e da sensibilização da população em geral. A gestão executiva é do Ceats/FIA e conta atualmente com cerca de 150 mil visitantes por mês.

Sobre a Fundação Telefônica

A Fundação Telefônica gerencia a maior parte da Ação Social e Cultural do Grupo Telefônica no mundo, demonstrando o compromisso da empresa com as sociedades junto às quais atua. A instituição está presente na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, México, Peru e Venezuela e também desenvolve programas junto a operadoras locais da Telefônica no Equador, El Salvador, Guatemala, Nicarágua, Panamá e Uruguai. No Brasil, foi criada em 1999 e atua para o desenvolvimento social, através da consolidação dos direitos das crianças e dos adolescentes. Desde o início de sua atuação, mais de 500 mil pessoas já foram beneficiadas direta ou indiretamente pelos projetos que desenvolve, por meio dos programas EducaRede,  Pró-Menino, Arte e Tecnologia e Voluntários Telefônica.

O post Fundação Telefônica capacita professores da rede pública sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente apareceu primeiro em Notícias da Fundação Telefônica.

Fundação Telefônica capacita professores da rede pública sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente
Fundação Telefônica capacita professores da rede pública sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente