Saltar para o menu de navegação
Saltar para o menu de acessibilidade
Saltar para os conteúdos
Saltar para o rodapé
Logo EnlighTedDias 19, 20 e 21 de outubro | Assista ao enlightED aqui!

Fundação Telefônica abriu inscrições para o concurso internacional VIDA, iniciado em 1999 e que se transformou em um dos prêmios artísticos de maior prestígio.

Fundação Telefônica lança o concurso VIDA 13.2, dedicado ao estudo da vida artificial


A Fundação Telefônica abriu inscrições para o concurso internacional VIDA, iniciado em 1999 e que se transformou em um dos prêmios artísticos de maior prestígio no campo que compreende o encontro entre a arte, a ciência e a tecnologia. Trata-se da única premiação no mundo dedicada ao estudo da vida artificial.
 Ao longo de suas treze edições, VIDA premiou obras artísticas desenvolvidas com tecnologias de vida artificial e suas disciplinas associadas, como a robótica, a inteligência artificial, os algoritmos caóticos, os vírus informáticos, a biotecnologia, os entornos virtuais e a escultura sonora. No período, foram apresentados 1.280 projetos de 59 países.
Como em anos anteriores, o concurso propõe duas modalidades de participação: Projetos Finalizados e Incentivos à Produção. O prazo de entrega encerra-se em 27de julho.
A categoria de Projetos Finalizados premia trabalhos artísticos de vida artificial desenvolvidos posteriormente ao ano de 2009. A premiação totalizará 40.000 euros para os três projetos selecionados pelo júri (18.000 euros para o primeiro colocado; 14.000 euros para o segundo e 8.000 euros para o terceiro). Ademais, serão outorgadas sete menções honrosas para os projetos destacados pelos jurados entre os finalistas.
Já a categoria Incentivos à Produção tem como objetivo financiar projetos artísticos de vida artificial que ainda não tenham sido realizados. Destina-se a criadores que tenham a nacionalidade ou residam na Espanha, Portugal ou em qualquer país da América Latina. Serão distribuídos 40.000 euros entre os projetos selecionados.
Os projetos apresentados serão examinados por um júri internacional constituído por Mónica Bello Bugallo (Espanha), Jens Hauser (França), Karla Jasso (México), Nell Tenhaff (Canadá), Rally Jane Norman (Nova Zelândia), Simon Penny (EUA/Austrália) e Francisco Serrano, Diretor Geral da Fundação Telefônica. 
As inscrições estarão abertas até 27 de julho e todas as informações a respeito estão disponíveis no site www.fundacion.telefonica.com/vida.

 

 

O post Fundação Telefônica lança o concurso VIDA 13.2, dedicado ao estudo da vida artificial apareceu primeiro em Notícias da Fundação Telefônica.

Fundação Telefônica lança o concurso VIDA 13.2, dedicado ao estudo da vida artificial
Fundação Telefônica lança o concurso VIDA 13.2, dedicado ao estudo da vida artificial