Saltar para o menu de navegação
Saltar para o rodapé
Saltar para os conteúdos
Saltar para o menu de acessibilidade
Logo EnlighTedRelembre aqui o enlightED 2021

O Big Data orienta decisões e estratégias para as empresas, mas também possui outras aplicações, inclusive na educação. Saiba mais!

#Educação#EducaçãoemDados#EnsinoMédio

Imagem mostra uma jovem usando um computador. Ela é negra, tem cabelos compridos, usa óculos, está sentada em um sofá e está sorrindo.

Se você é uma pessoa conectada, já deve ter ouvido falar em Big Data. O termo define as diversas informações que chegam em volume crescente e em velocidade cada vez maior na base de dados de empresas, fornecendo informações sobre o público e suas preferências.

O conceito surgiu com os primeiros Data Centers e bancos de dados, entre os anos 1960 e 1970. A Gartner – empresa mundial em pesquisa e aconselhamento para empresas – criou em 2001 a definição que é muito aceita até hoje: Big Data são ativos de informações de alto volume, alta velocidade ou alta variedade que exigem formas inovadoras e econômicas de processamento de informações, e permitem uma visão aprimorada, tomada de decisões e automação de processos.

Isso também aconteceu com o surgimento da Internet das Coisas (IoT), com as tecnologias cada vez mais integradas ao dia a dia, substituindo as pessoas em tarefas que podem ser feitas pela inteligência artificial.

A realidade de uso de aparelhos que estão sempre conectados à internet proporcionou um crescimento no volume de dados. Um aparelho de ar-condicionado ou mesmo uma Smart TV, por exemplo, podem fornecer às companhias informações sobre os usuários dos itens que elas fabricam. Assim, é possível conhecer o perfil de seus clientes e o desempenho dos seus produtos.

Importância do Big Data nos dias de hoje

O impacto do Big Data é amplo e capaz de revolucionar os processos de uma organização. Um dos seus principais usos é a possibilidade de fazer uma escuta social. Através da sua análise, é possível entender como a marca é vista em diferentes mídias, avaliar a sua reputação e mensurar a satisfação do cliente. Tanto é que, em várias companhias, a análise desses dados serve como um caminho para tomar decisões que podem definir o futuro do negócio.

Armazenar os dados, porém, não é o suficiente. As informações que os algoritmos captam a todo o momento precisam ser organizadas e interpretadas para serem úteis na tomada de decisão das companhias. Fazendo sentido ao propósito da Ciência de Dados. E isso exige muito trabalho dos cientistas de dados, que podem gastar até 80% do seu tempo preparando os dados antes de serem utilizados.

Mas para além das empresas e instituições, o Big Data é importante em diversos segmentos da sociedade.

Na área da Saúde, a aplicação do método tem facilitado o registro e gerenciamento das informações dos prontuários de pacientes, incluindo exames, consultas e procedimentos realizados. Já o Governo, emprega o Big Data na administração dos dados da população e para os beneficiários de programas sociais.

Uso de dados na Educação

Na Educação, o uso de dados sempre esteve presente na rotina escolar, mas a tecnologia agora permite obter informações detalhadas sobre a gestão, educadores e estudantes.

1- Gestão administrativa Em instituições de ensino o Big Data é usado para o gerenciamento de matrículas de alunos, para a gestão financeira das escolas e para o aprimoramento das pesquisas acadêmicas. 2- Apoio no ensino-aprendizagem A análise de dados em tempo real, como comportamento, notas, frequência, pontos fortes e fracos, ajuda a entender melhor o comportamento de cada aluno. Ao coletar informações dos estudantes, os educadores podem analisar seus interesses, habilidades e desempenho nas disciplinas, criando um bom ambiente de aprendizado e atividades pedagógicas mais personalizadas. 3- Combate à evasão escolar Com um acompanhamento permanente dos resultados de cada aluno, as taxas de evasão nas escolas e faculdades tendem a cair. Ao detectar padrões no comportamento do aluno e indicar a probabilidade de evasão, depois de faltar a certo número de aulas ou provas. Com isso, a equipe pedagógica pode agir antes de o aluno sair. 4- Indicador na escolha profissional Uma avaliação profunda e detalhada ajudará os professores e coordenadores de curso a mensurar o progresso, os pontos fortes e os pontos fracos de um aluno. Os relatórios irão sugerir as áreas em que o aluno está mais interessado e que atividade profissional mais se adequa ao seu perfil.

O que é Big Data e como ele é usado no dia a dia?
O que é Big Data e como ele é usado no dia a dia?