Saltar para o menu de navegação
Saltar para o menu de acessibilidade
Saltar para os conteúdos
Saltar para o rodapé
Logo EnlighTedDias 19, 20 e 21 de outubro | Assista ao enlightED aqui!

Conheça as iniciativas da Fundação Telefônica Vivo que buscam transformar o ensino e mudar vidas através da atuação com tecnologia acessível.

Retrospectiva: Atuação em Educação e Aprendizagem muda vidas através da tecnologia

O Escolas que Inovam foi inspirado na experiência pedagógica de educação democrática desenvolvida por duas instituições de ensino em São Paulo, a EMEF Desembargador Amorim Lima, no Butantã, e a EMEF Campos Salles, em Heliópolis.

Originado da vontade de apoiar a inovação educacional em curso nas escolas com introdução das TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) e no programa pedagógico Somando Esforços, o projeto – além de maximizar o resultado das práticas desses colégios – ganhará uma terceira fase de ações nos próximos anos.

Em algumas atividades da EMEF Campos Salles, cada aluno terá o seu notebook para realizar atividades no Qmágico, uma plataforma digital que usa a tecnologia para a personalização e gestão do aprendizado. Dessa forma, eles continuarão com autonomia para aprender em seu próprio ritmo, além de terem acesso a diversas outras fontes de aprendizado. Já os professores terão uma forma de avaliação mais objetiva poderão acompanhar o progresso individual de cada estudante.

Outra de nossas iniciativas, o Escolas Rurais Conectadas – que hoje beneficia mais de 11 mil alunos e 500 professores –, levou a conexão 3G a 100 escolas públicas e rurais de Alagoas, Bahia, Minas Gerais, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Cada uma recebeu também dois notebooks. Em dezembro, a EMEF Zeferino Lopes de Castro recebeu um o prêmio Líderes e Vencedores da Federasul, na categoria Referência Educacional. A escola é pioneira no nosso programa e um exemplo de como a tecnologia favorece as práticas de ensino!

Plataforma digital de aprendizagem, que incentiva e ensina a linguagem de programação, o Programaê é baseado na colaboração. Nele, tanto quem quer aprender quanto quem pode ensinar tem espaço na construção desse saber.

O acesso é gratuito e aberto a todas as pessoas interessadas pelo tema. Além do aprendizado individual, é possível ainda que professores baixem um plano de aulas de um semestre para despertar a curiosidade sobre o assunto em sala de aula.

O Programaê também é o parceiro no Brasil do evento Hora do Código. Até agora, 535.134 estudantes brasileiros já participaram do movimento, que permite que qualquer um, em qualquer lugar, veja tutorias de programação e adquira habilidades na área, mesmo sem nenhum conhecimento prévio.

Através do uso de tecnologias de forma inovadora, a Fundação Telefônica Vivo atua na potencialização da aprendizagem e na difusão do conhecimento, contribuindo com o desenvolvimento pessoal e social de todos os envolvidos.

O post Retrospectiva: Atuação em Educação e Aprendizagem muda vidas através da tecnologia apareceu primeiro em Notícias da Fundação Telefônica.

Retrospectiva: Atuação em Educação e Aprendizagem muda vidas através da tecnologia
Retrospectiva: Atuação em Educação e Aprendizagem muda vidas através da tecnologia